log in
ap 728x90 data 5463e

I Still Believe | Trailer oficial e sinopse

 A história real de Jeremy Camp (K.J. Apa), famoso cantor de rock cristão e indicado ao Grammy. A obra deseja focar como a religião foi essencial para o artista superar dores de sua vida, principalmente quando sua esposa Melissa (Britt Robertson) é vítima de câncer.

Ainda Temos a Imensidão da Noite | Novo tcailer legendado e sinopse

Cansada de lutar por um lugar ao sol com sua banda de rock, onde é trompetista e vocalista, Karen decide ir embora de Brasília. Ela segue os passos do ex-parceiro de banda, Artur, que tenta a sorte em Berlim. O convite parte de Martin, amigo alemão com quem fecham um triângulo imprevisível. Meses depois, forçada a recomeçar em Brasília, Karen precisa entender o papel dela e o papel da arte na cidade que o avô ajudou a construir.

O Maestro (2018) | Trailer legendado e sinopse

Mario Castelnuovo-Tedesco foi um compositor notável, autor da trilha sonora de mais de 200 filmes de Hollywood nas décadas de 1940 e 1950. Muitas vezes, recebendo zero crédito por seu trabalho, Mario passou a orientar alguns dos maiores compositores modernos, incluindo John Williams, Randy Newman, Henry Mancini, Jerry Goldsmith e Andre Previn. O Maestro é baseado em cartas que trazem à luz os ensinamentos de Tedesco e sua relação com o aluno Jerry Herst, concentrando-se nos pontos mais refinados da arte e expressão, bem como na realidade da Hollywood do pós-guerra.

Um Grito de Socorro | Trailer oficial e sinopse

Jochem (Stefan Collier) é um adolescente atormentado diariamente na escola por ser gordinho. Enquanto um grupo de colegas pratica bullying, outros, como Vera (Dorus Witte) e David (Robin Boissevain), tentam ajudá-lo, mas têm medo de enfrentar os valentões e sofrer represálias. Quando Jochem vai a uma festa com os colegas, é forçado a beber e não aparece no dia seguinte no colégio. David se sente culpado por não ter ajudado o menino e resolve, junto com Vera, procurar o amigo, mas pode ser tarde demais para prestar auxílio e pedir desculpas.

A Música da Minha Vida | Trailer legendado e sinopse

A Música da Minha Vida conta a história de Javed (Viveik Kalra), um adolescente britânico filho de paquistaneses, crescendo na cidade de Luton, Inglaterra, em 1987. Em meio às turbulências econômicas e raciais da época, ele escreve poesia como uma forma de escapar da intolerância de sua cidade natal e da inflexibilidade de seu pai tradicional. Porém, quando um de seus colegas lhe apresenta a música do “Chefe”, Javed vê paralelos entre sua vida simples e as letras marcantes de Springsteen. À medida que Javed descobre um escape catártico para seus próprios sonhos reprimidos, ele também começa a encontrar coragem para se expressar com sua própria voz.

Baseado no aclamado livro de memórias de Sarfraz Manzoor Greetings from Bury Park, A Música da Minha Vida é uma história contagiante sobre coragem, amor, esperança, família e a capacidade única que a música tem de elevar o espírito humano.

Meu Amigo Fela | Trailer legendado e sinopse

Uma nova perspectiva sobre o músico nigeriano Fela Kuti, a fim de contrapor a narrativa mais frequentemente retratada: como um excêntrico ídolo pop africano do gueto. No filme a complexidade da vida de Fela é desvendada através dos olhos e conversas de seu amigo íntimo e biógrafo oficial, o africano-cubano Carlos Moore.

Mademoiselle Paradis | Trailer legendado e sinopse

Viena, 1777. A pianista cega Maria Theresia Paradis, hoje com 18 anos de idade, perdeu a visão durante seus primeiros anos de vida. Após inúmeros experimentos médicos fracassados, seus pais a levam ao controverso médico Franz Anton Mesmer, e ela se junta a um grupo de pacientes extravagantes, que buscam no magnetismo uma oportunidade de cura para males que a ciência tradicional não resolve. Ela goza de liberdade pela primeira vez neste mundo, mas começa a notar que, se o tratamento de Mesmer lhe permite recuperar a visão, ela perde sua virtuosidade musical. Seleção Oficial nos Festivais de San Sebastián International Film Festival 2017 e Toronto International Film Festival 2017.

Crítica do filme Vox Lux - O Preço da Fama | Um filme com crise de identidade

Roteirizado e dirigido por Brady Corbet, o mais novo filme de Natalie Portman foi ainda produzido por ela, em conjunto com o ator Jude Law, que também está no elenco, e da cantora Sia, responsável pela composição das músicas que dão o tom a "Vox Lux - O Preço da Fama".

Na onda de "Nasce uma Estrela", "Bohemian Rhapsody" e "Rocketman", Vox Lux é mais uma das produções focadas nos bastidores do mundo da música, da fama e dos grandes artistas. Assim como o primeiro, também é centrado em uma personagem ficcional, Celeste Montgomery (Portman), retratada em diferentes momentos de sua vida, desde a infância até os 31 anos, quando faz um show importante para a carreira.

Law é seu empresário e a irmã da personagem, Eleanor, é interpretada por Stacy Martin. O elenco traz ainda Christopher Abbott, Jennifer Ehle e a jovem Raffey Cassidy, grande destaque em atuação, interpretando a própria Celeste em sua fase adolescente e também a personagem Albertine. A menina é o grande destaque do filme, demonstrando competência na interpretação de duas personagens diferentes e incorporando bem as personalidades de ambas – que, embora tenham algumas semelhanças, são bem diferentes.

voxlux3 3895f

O mesmo não se pode dizer de Natalie Portman, por outro lado. Para quem interpretou personagens tão complexos como ela fez em filmes como Cisne Negro, para citar apenas um exemplo, o trabalho em Vox Lux não é exatamente o auge da carreira da atriz.

Especialmente nos constrangedores momentos em que ela se apresenta nos shows da personagem, a performance é deveras embaraçosa e fica devendo e muito. Não deve ser fácil interpretar um artista em palco, isso é fato. Mas a gente sabe que a atriz pode fazer melhor, daí a decepção.

A decepcionante superficialidade da personagem talvez contribua com essa impressão, uma vez que, em sua fase adulta, Celeste se torna uma pessoa irritante, confusa, perturbada e tudo isso o que se espera de uma legítima celebridade.

voxlux2 eeb84

É esse, afinal, o ponto principal do filme. Mas não vamos colocar o show à frente do ensaio, ou o carro na frente dos bois. Começando do começo:

Um tiro certeiro

Não é apenas no contexto de filmes sobre música e celebridades que a história do longa-metragem se encaixa. "Vox Lux - O Preço da Fama" estreia no Brasil em um delicado momento, quando o país ainda digere o tiroteio em uma escola de Susano (SP), na qual morreram 10 pessoas – entre elas os dois jovens que abriram fogo contra os alunos e professores.

A coincidência é que a história do filme começa justamente com cenas fortes quanto a isso. Um colega de classe de celeste invade a escola, atira na professora e fuzila os colegas, acertando de raspão a protagonista, que se torna a única sobrevivente da sala. É durante uma cerimônia em homenagem aos colegas que a artista nela desabrocha. Sua canção em referência ao episódio viraliza e, embarcando na fama da tragédia, ela se torna nacionalmente conhecida.

voxlux1 870bd

Se tivesse se concentrado apenas nisso – nos efeitos do ocorrido sobre a menina e sua família, nos desdobramentos da fama derivada da tragédia, na era da viralização e do sucesso repentino – talvez o resultado fosse muito mais consistente e o roteiro teria conseguido sair um pouco mais do lugar comum.

Teria feito isso, inclusive, passando a mesmíssima mensagem que se propõe a passar – a do preço da fama, que parece roubar um pouco a alma daqueles que a alcançam. O grande problema do filme é que, para explicar detalhadamente sua proposta, a trama vai por um caminho mastigado demais, mostrando uma fase da vida da personagem principal que não precisava ter sido retratada para provar seu ponto.

A fase adulta da protagonista poderia ter sido simplesmente cortada do filme sem nenhum prejuízo, uma vez que tudo o que acontece da segunda metade para a frente apenas reforça insistentemente um mesmo aspecto. 

A história, que começa extremamente interessante e muito bem construída, acaba com isso se perdendo um pouco e caindo no lugar comum. Não faltam por aí retratos de como a fama “estraga” as pessoas. Nem todos os casos, no entanto, são relacionados a um tiroteio com assassinatos em massa em uma escola, e isso sem dúvida poderia ter sido melhor explorado pelo diretor e roteirista.

voxlux4 5e6da

Uma pena, já que o filme não se destaca tanto no que diz respeito à trilha sonora, que é onde ele parece se esforçar mais. O figurino, pelo menos, é caprichado, assim como a cenografia e toda a parte técnica de maquiagem e iluminação também, mas nada disso compensa as grandes falhas no roteiro – as ausências de personagens como os pais das meninas, a permissividade excessiva e as inserções desnecessárias como a da própria Albertine, que cai completamente de paraquedas no meio da trama.

E, por mais que a gente adore a voz do Willem Defoe, a narração do ator não faz o menor sentido e nenhuma diferença na forma como os fatos são contatos. Parece, isso sim, mais um recurso para explicar a moral pra quem ainda não tinha entendido.

Não é que o saldo do filme seja inteiramente negativo. "Vox Lux - O Preço da Fama" prende a atenção o tempo todo, é interessante – especialmente na primeira metade! – e traz algumas lições importantes. Poderia ter continuado mais interessante e terminado de uma forma mais atrativa e seria uma pedida melhor se não sofresse desse mal que vem assolando parte da indústria cinematográfica atualmente – de menosprezar a inteligência do público. Mas, se a redundância não for um problema para você, siga em frente e aprecie o bom trabalho da jovem Raffey Cassidy e colegas de elenco!

The Dirt – Confissões do Mötley Crüe | Trailer legendado e sinopse

Baseado na autobiografia best-seller de 2001, The Dirt – Confissões do Mötley Crüe retrata sem censura uma história de sexo, drogas, rock 'n roll e fama, e o alto preço a pagar por uma vida de excessos. O diretor Jeff Tremaine (cocriador de Jackass e diretor de Vovô Sem Vergonha) mostra como Nikki Sixx (Douglas Booth), Mick Mars (Iwan Rheon), Tommy Lee (Colson Baker) e Vince Neil (Daniel Webber) deixaram Sunset Strip para se transformar na banda mais polêmica do planeta.