log in
amazonprimevideo

Veja uma prévia de "Piper", curta que chega junto com "Procurando Dory" [vídeo]

A Disney Brasil liberou nesta semana um pequeno vídeo recheado de fofura, intitulado apenas como “Piper”.

Na verdade, o clipe em questão é uma prévia do curta-metragem “Piper”, que tem seis minutos de duração e chega em breve aos cinemas.

Como você deve imaginar, seguindo o costume da produtora, o curta estreia nos cinemas de todo o mundo junto com o tão aguardado “Procurando Dory”.

Dirigido por Alan Barillaro e produzido por Marc Sondheimer, “Piper”, o mais recente curta da Pixar Animation Studios, conta a história de um filhotinho de maçarico esfomeado que se aventura a sair de seu ninho pela primeira vez para procurar comida no litoral. O único problema é que a comida está enterrada na areia, onde ondas assustadoras vem dar na praia.

Quem é o gênio por trás de Piper?

Alan Barillaro entrou para a Pixar Animation Studios em janeiro de 1997. Barillaro trabalhou em quase todos os filmes da Pixar como animador, incluindo “Vida de Inseto”, “Toy Story 2”, “Monstros S.A.” e os filmes vencedores do Oscar® “Procurando Nemo”, “Os Incríveis”, “WALL•E” e “Valente”.

Nesses três últimos filmes, Barillaro recebeu a função de supervisor de animação e, portanto era responsável por supervisionar a equipe de animadores que trabalhou para dar vida aos personagens dos filmes.

Após seu trabalho em “Valente”, Barillaro passou a trabalhar na equipe de desenvolvimento de software da Pixar para ajudar a criar uma ferramenta de animação que ajudaria a fornecer mais flexibilidade criativa ao processo de filmagem do estúdio.

curtapiper 9373c

Como prova de conceito, Barillaro criou um teste curto de animação sobre um passarinho – um maçarico – na praia. Esse teste de animação logo se tornou um curta-metragem completo, “Piper”, dirigido por Barillaro e que fará sua estreia nos cinemas junto com “Procurando Dory” em 2016.

Criado em Niagara Falls, Canadá, o interesse de Barillaro pela animação surgiu quando ainda era jovem. Ele foi fazendo carreira gradativamente em várias empresas durante o ensino médio e continuou seus estudos no Sheridan College for Animation. Barillaro reside em Oakland, Califórnia, com sua família.

Bear Story | Trailer oficial e sinopse

Um urso idoso e solitário conta sua história de vida por meio de um diorama mecânico. O curta-metragem chileno "Bear Story" (Historia de un Oso) é dirigido e roteirizado por Gabriel Osorio Vargas, sendo que Daniel Castro ajudou na composição do roteiro.

Com aproximadamente 11 minutos de duração,  o curta narrado em espanhol foi o vencedor do Oscar de Melhor Animação em Curta-Metragem (no ano de 2016). O trailer já mostra um pouco do porquê esta obra conseguiu a estatueta, sendo que o estilo de animação foi um dos principais diferenciais.

Ainda não há previsão de lançamento de Bear Story para o público.

Stutterer | Trailer oficial e sinopse

Dirigido e roteirizado por Benjamin Cleary, o curta britânico "Stutterer" é um drama (produzido em 2015), que conta a história de um homem jovem o qual sofre com distúrbio da fala e precisa reverter essa situação.

O curta-metragem "Stutterer" tem aproximadamente 12 minutos de duração e foi o Vencedor do Oscar de Melhor Curta-Metragem (no ano de 2016). O elenco tem nomes como Matthew Needham, Chloe Pirrie e Eric Richard.

The Present: o curta que já ganhou mais de 50 prêmios e vai ganhar seu coração

Você talvez não acompanhe muito as produções independentes, mas há uma infinidade de profissionais se dedicando a produzir curtas que, além de levar belas imagens ao público, passam mensagens inacreditáveis.

O curta-metragem "The Present" (O Presente) é mais um desses projetos independentes que acaba surpreendendo em vários sentidos. Ele foi produzido faz algum tempo pelo Filmakademie Baden-Wuerttemberg, mas estava apenas sendo exibido em festivais.

Após receber mais de 50 prêmios, os produtores finalmente liberam o vídeo na internet do curta que foi baseado em uma tirinha de Fabio Coala. Não vem ao caso dar detalhes do que é mostrado no vídeo, mas o presente maior é o que você vai ganhar ao ver este curta-metragem.

Não se esqueça de comentar e compartilhar com os amigos esta joia rara :)

TIE Fighter - curta estilo anime dos anos 80 produzido por fã

Com a atual enxurrada de novidades sobre Star Wars, os fãs mal conseguem se conter para assistir O Despertar da Força. E pra quem é fã, qualquer coisa relacionada a seu assunto favorito é bem vinda.

E se houvesse um curta em animação Star Wars com foco no Império, desenhado com o estilo detalhado e sombreamento dos clássicos animes dos anos 80 que infelizmente parece estar sumindo do Japão nos dias atuais?

Foi essa a ideia do OtaKing77077, que desenhou e cuidou da animação. Durante 4 anos ele dedicou seus fins de semana a isso, contando com a ajuda das guitarras de Zak Rahman e design de som do técnico de áudio Joseph Leyva. Fãs do jogo TIE Fighter (1994) da Lucasarts, vão reconhecer alguns pontos turísticos e sons familiares.

O curta é como um clipe musical à la Daft Punk antigo, confere aí!

Poster official
“Interdictor,” faixa de áudio
Informações sobre a história e personagens
Twitter

‘Dia de los Muertos’, curta animado sobre o verdadeiro sentido do feriado mexicano

No Dia dos Mortos em uma pequena aldeia, balões brilhantes voam e fogos de artifício colorem o céu. Infelizmente para uma menina, só há tristeza no túmulo de sua mãe recentemente falecida. Mas enquanto ela enxuga as lágrimas, ela é subitamente arrastada para a terra dos mortos! Rodeada por esqueletos festeiros e papel picado, ela descobre que o Día de los Muertos não é sobre o medo, mas sobre a comemoração do fim, que em muitos aspectos é apenas um novo começo.

Escrito e dirigido por Ashley Graham, Kate Reynolds e Lindsey St. Pierre. O filme é vencedor da medalha de ouro do 2013 Student Academy Award de Melhor Curta Animado.

Sonic, o raio azul e muita depressão no curta The Hedgehog

THE HEDGEHOG (O Ouriço), é um curta dramático sobre um garoto solitário que se veste como seu personagem de video game favorito, o Sonic. Ele busca aventuras em uma paisagem suburbana deserta, quando encontra um senhor tão solitário quando ele. E nesse paralelo entre Sonic e Robotnik, a aventura se revela uma realidade profundamente melancólica.

Black Angel, o curta perdido que passou antes de O Império Contra Ataca

Black Angel, o curta que passou antes de “Guerra nas Estrelas Episódio V: O Império Contra-Ataca”, foi liberado gratuitamente no Youtube, e conta ainda com uma introdução do diretor Roger Christian. Parte crucial do legado de Star Wars, Black Angel foi licenciado por George Lucas, que escolheu o curta para acompanhar O Império pela Europa e Australia. O filme de 25 minutos foi produzido com um orçamento de £25,000 (uns R$ 84.00 na atual cotação), entregues a Christian através do fundo Eady Scheme do governo do Reino Unido.

Uma épica aventura fantástica, a história segue um cavaleiro (Tony Vogel) que retorna das Crusadas, apenas para ser transportado para um mundo fantástico para salvar uma princesa das garras de uma figura sombria e misteriosa. Filmado nas Scottish Highlands (Terras Altas Escocesas), o filme ressalta a beleza e majestade desse lugar. Fãs e críticos da indústria cinematográfica de todo o mundo amaram, e Steven Spielberg descreveu como “um dos mais enigmáticos filmes que eu já assisti”.

Depois do lançamento, todas as cópias do filme se perderam por mais de 30 anos. Isso até Decembro de 2011, quando o arquivista da Universal Studios encontrou o negativo. As impressões acabaram indo parar nos Estados Unidos após o colapso do estúdio britânico Rank, que havia armazenado as impressões junto com outros negativos de filmes em bunkers da Segunda Guerra Mundial. O filme foi restaurado quadro a quadro por uma empresa de efeitos especiais, antes de ter uma “re-estréia” em Outubro de 2013 como filme de encerramento do Mill Valley Fall Arts Festival. Também foi transmitido no Glasgow Film Festival na Escócia e liberado no iTunes no início de 2014, onde alcançou facilmente o primeiro lugar como curta.

Christian venceu o Academy Award for Art Direction (Oscar de Direção de Arte) por seu trabalho no Guerra das Estrelas original. Ele foi indicado ainda para a mesma categoria com o seu trabalho em Alien. A obra de Christian é amplamente reconhecida pela “Família Star Wars”, escritores, diretores, diretores de fotografia e equipe que esteve envolvida na franquia bilionária desde o primeiro dia. Black Angel foi sua estreia como diretor, então confere essa obra lendária entre os fãs não só de Star Wars, mas de fantasia medieval também.

Episódio Piloto de Dragon Ball Z: Light of Hope, prova de que fãs manjam muito!

Dragon Ball Z: Light of Hope é um curta feito por fãs em live action em que Gohan e Trunks lutam contra os apelões Andróides
 #17 e #18 e tentam salvar o máximo de humanos possíveis. O jovem Trunks precisa crescer rapidamente e aprender tudo que seu mentor Gohan tem para ensinar. Mas as batalhas que precisam ser vencidas são tanto internas quanto externas, como a perda de todos as pessoas que os dois conheceram e um futuro incerto, o principal é tentar encontrar uma luz de esperança.

A série é uma adaptação de "A História de Trunks", um episódio especial para a televisão. Nessa linha do tempo alternativa, Goku
e os outros Guerreiros Z estão mortos, apenas Gohan e Trunks sobreviveram e precisam batalhar contra os Androides, mesmo sem muita chance de vencer.

"Dragon Ball Z: Light of Hope" não possui fins lucrativos, é só pela diversão e para provar que não precisa de milhões de doláres para fazer uim filme decente. O objetivo dos caras é levar as telonas os filmes que Dragon Ball merecem, e temos que admitir que eles estão fazendo um trabalho bem mais respeitável que grandes estúdios, então se você quiser doar e contribuir com esse projeto, vai lá na página oficial dos produtores e pede por um segundo episódio.

Power/Rangers, releitura sombria e sangrenta dos heróis da sua infância

Para todos os saudosistas que adoram a primeira versão ocidental dos Powers Rangers, agora que você é velho e razinza você pode matar a saudade dos seus heróis super sentai favoritos com esse curta-metragem. Ou talvez nem tanto, porque tirando os nomes, você nem vai perceber que se trata de Power Rangers. Mas de qualquer forma, é muito bem produzido, sombrio e sangrento.

"Power/Rangers" é estrelado por James Van Der Beek, de "Dawson’s Creek"! hahahaha como um ex-Ranger flagelado e Katee Sackhoff de "Battlestar Galactica", como Kimberly/Ranger Rosa. Van Der Beek co-escreveu o curta com Joseph Kahn (diretor de Fúria em Duas Rodas), que por sua vez produziu e dirigiu.

Vale lembrar que em 2016 está previsto um longa dos Power Rangers, mas por enquanto é tudo ultrasecreto, sabe-se apenas que não será um reboot, e que personagens da série original terão participações, como o adorado Tommy ranger verde/branco/vermelho flautinha que chama o dragão, que na vida real se disfarça de lutador de MMA e finge que seu nome é Jason David Frank. Podemos esperar essa mesma vibe sombria para o longa, mas só saberemos com certeza ano que vem.