log in

Dakota Johnson - Café com Filme

Contato Visceral | Trailer legendado e sinopse

Depois que um cliente do bar onde Will (Armie Hammer) trabalha esquece o seu celular no balcão devido a um incidente atípico, ele decide levar o aparelho para casa. No dia seguinte, Will começa a receber estranhas mensagens ameaçadoras e tenta não se envolver em nada, mas rapidamente eventos bizarros e aterrorizantes tomam conta da situação.

The Peanut Butter Falcon | Trailer oficial e sinopse

Uma história de aventura que começa quando um jovem com síndrome de Down foge de uma casa de repouso onde ele vive para perseguir seu sonho de se tornar um lutador, freqüentando a escola de luta livre de The Salt Water Redneck.

Crítica do filme Suspiria - A Dança do Medo | Você acredita em bruxas?

É muito injusto compara o trabalho de Luca Guadagnino com a obra-prima do mestre Dario Argente. Lançado originalmente em 1977, o clássico Suspiria foi um marco do gênero, apresentando uma narrativa diferente, misturando terror e suspense com um estilo “gótico-lisérgico”.

A Dança do Medo, epiteto da refilmagem comandada por Guadagnino, acerta o tom para apresentar uma boa história de bruxas para uma nova geração de fãs de terror. O grande problema são as inevitáveis comparações com o original.

Como um fã de Argento, não compreendo o conceito por trás de refilmar Suspiria, mas ao assistir o trabalho de Luca Guadagnino eu entendo seus méritos e considero o filme uma espécie de anzol, uma ferramenta para fisgar o espectador e puxá-lo para dentro do barco de Argento. A Dança do Medo é um bom filme, mesmo que desnecessário em sua essência, e fãs de um bom suspense sobrenatural ficaram bem servidos, mesmo que a nostalgia ainda nos chame de volta ao clássico de Argento.

Escuridão, lágrimas e suspiros

Na Berlim dividida de 1977, entre a Guerra Fria e da Segunda Guerra Mundial, Susie (Dakota Johnson) — uma jovem menonita de Ohio — chega pra tentar ingressar na prestigiada escola de dança Markos. Com o recente desaparecimento de uma das estudantes, a jovem Patricia (Chloë Grace Moretz), Susie consegue uma audição, na qual apresenta todo seu talento e perfeccionismo, chamando assim a atenção da Madame Blanc (Tilda Swinton) uma das professoras líderes da instituição.

Mas essa é apenas uma das histórias que se entremeiam ao longo do filme, eis aqui um dos pontos altos e mais problemáticos do filme. O paradoxo é real, pois, diferentemente do que vemos no original, o roteiro é muito trabalhado, entrelaçando várias histórias dentro de uma narrativa só.

suspiria01 f20d8

O grande problema é que Guadagnino não consegue puxar todos os fios e amarrar todas as histórias.  São algumas boas ideias que nunca são devidamente exploradas e acabam por deixar o filme mais longo do que o necessário sem grandes recompensas no final.

O filme abre caminhos para discussões interessantes sobre história, memória, culpa, violência, maternidade, feminismo isso se de fato explorasse tais subenredos. No final, não ficamos com o “gostinho de quero mais”, mas com a sensação de que fomos privados de algo. A única trama paralela que é de fato abordada é de Klemperer, o psicólogo que tenta encontrar sua paciente desaparecida, Patricia.

A jornada de Klemperer adiciona muito ao filme, conferindo muito mais substância e motivação a um personagem secundário. Entretanto, o mesmo cuidado não se aplica as outras histórias secundárias que aumentam o filme não acrescentam conteúdo, uma pena, haja vista o potencial de algumas das premissas reveladas.

A linguagem escondida da alma…

O elenco do novo Suspiria é uma cabala de talento maior. Tilda Swinton, sempre interessante na tela, aparece como uma altiva e sóbria professora Blanc. A atriz mantém um olhar assustador ao longo de todo o filme e evoca o medo sem imposições físicas.

Enquanto isso, Dakota Johnson, mesmo sem muito brilho, consegue entregar um desempenho equilibrado, misturando bons e maus momentos na frente da câmera. Diferente de Chloë Grace Moretz, que apesar de aparecer em alguns poucos minutos, é muito mais impactante do que sua colega de cena.

Também vale destacar a presença de Mia Goth -- a britânica, filha de uma brasileira – que vem trilhando um caminho interessante desde a sua estreia em Ninfomaníaca. Outra menção honrosa é a participação de Jessica Harper, a Susie Bannion do filme original, que deponta em uma digna homenagem a atriz que protagonizou o filme de Argento. 

suspiria02 c0d8b

O delírio é uma mentira que mostra a verdade

Podemos dizer que, em determinados momentos, essa refilmagem de Guadagnino é sim superior ao clássico de Argento, todavia a genialidade quintessencial da obra original sublima qualquer contraponto técnico. Argento usa a câmera de maneira angustiante, e abusa das cores para transformar o ambiente em parte da narrativa, algo podado justamente pelo refinamento técnico da refilmagem.

A fotografia proposta por Guadagnino é diametralmente oposta a de Argento, e funciona dentro de uma proposta estética e narrativa diferente da vista no filme original. Méritos também para Inbal Weinberg (Três Anúncios para Um Crime) que assina o design de produção e Giulia Piersanti (Um Mergulho no Passado) cujo figurino reconstrói os turbulentos anos 70 em uma cidade cuja divisão ideológica se materializava em um muro.

Além disso, a trilha sonora de Thom Yorke (da banda Radiohead) é outro ponto forte do filme. A melancolia característica do artista ajuda a traduzir o sentimento da época e o próprio medo inerente a saga de Susie.

Lindo e cativante, o filme propoem a exploração do poder feminino, mas não ajuda o espectador nessa jornada

Suspiria – A Dança do Medo tem vários méritos, mas suas limitações são rapidamente aumentadas devido as inevitáveis comparações com a obra original. Se os defeitos do filme original são sobrepujados pelo arrojo artístico de Argento, o mesmo não ocorre na produção de Guadagnino, assim, o ritmo lento e o roteiro mal estruturado acabam pesando muito mais. Independente disso, A Dança do Medo ainda é um bom suspense sobrenatural, especialmente se não tivesse o prefixo Suspiria.

Com Cine Passeio, Curitiba resgata tradição de cinemas de rua

Depois de mais de uma década com seus cinemas concentrados unicamente em shopping centers, Curitiba volta a ter um estabelecimento do tipo fora dos agitados centros comerciais. Inaugura nesta quarta-feira (27/3) em Curitiba o Cine Passeio, novo complexo cultural da cidade, com duas salas de cinema e estrutura para formação audiovisual e inovação na área da economia criativa.

O complexo retoma o conceito dos cinemas de rua que deixou de existir em 2005, quando o último do tipo fechou suas portas, e faz referência a duas antigas salas de Curitiba, os cines Luz e Ritz. Com capacidade para 90 pessoas, as novas salas foram equipadas com modernos sistemas de projeção e sonorização e prometem não ficar devendo a nenhum outro da cidade.

Além das duas salas, o complexo possui uma sala multiuso com 110 lugares (Estúdio Valêncio Xavier), a Sala Video On Demand (que se refere a consumo de conteúdos digitais), espaços para cursos, uma unidade do coworking público municipal Worktiba e, no terraço, uma área para exibições a céu aberto e um espaço coberto para eventos. No local também funcionará uma cafeteria.

Sobre o prédio

cine passeio curitiba b33ed

O investimento no projeto foi de R$ 9,5 milhões, recurso captado pela Prefeitura por meio de comercialização de cotas de potencial construtivo. Com área de 2.597 m², o Cine Passeio ocupa uma edificação histórica, classificada como Unidade de Interesse Especial de Preservação (UIEP), que foi totalmente restaurada e adaptada para receber as atividades culturais dentro do programa Rosto da Cidade.

Programação de inauguração

Para a inauguração, a Rua Riachuelo será interditada na noite da quarta-feira (27). A festividade começa do lado de fora do prédio, quando a fachada será usada como tela para a projeção de imagens que fazem referências à história do cinema mundial. A sessão inaugural será no dia seguinte, na quinta-feira (28/3), às 20h, com a exibição do filme "Albatroz" e as presenças do diretor Daniel Augusto e dos atores Alexandre Nero e Maria Flor.

cine passeio curitiba2 38ebe

A partir de sexta-feira (29/3) entra em cartaz uma programação de lançamentos e filmes inéditos, nacionais e estrangeiros. As sessões têm horários variados e os ingressos poderão ser adquiridos na bilheteria a R$ 16 (inteira) e R$ 8 (meia-entrada), com preços promocionais entre segunda e quarta-feira. As sessões especiais de inauguração, no dia 28, serão divididas - uma sala será fechada para convidados, a outra receberá público pagante, e os ingressos podem ser adquiridos a partir das 18h30 na bilheteria do local.

{gallery}Cine Passeio{/gallery}

Veja a programação de inauguração

Sala Ritz

Albatroz
(Brasil/Israel, nacional, 2017, suspense, 93’)
Casado com Catarina, Simão se apaixona pela atriz judia Renée, com quem viaja a Jerusalém. Ali o fotógrafo registra um atentado terrorista e se torna mundialmente famoso, porém muitos disparam críticas à sua atitude: em vez de tentar evitar a tragédia, preferiu fotografar.
Elenco: Alexandre Nero, Andréa Beltrão, Maria Flor, Camila Morgado
Direção: Daniel Augusto
Classificação Indicativa: 12 anos
Estreia: 28/3 – 20h (abertura oficial das salas de exibição)
Data e horário: 29/03 a 03/04 – 14h45 - $ 16 | 8

Suspíria: A Dança do Medo
(EUA, leg, 2018, suspense/terror, 152’)
Susie Bannion, uma bailarina americana, vai para a prestigiada Markos Tanz Company, em Berlim. Assim que ela chega, Patricia desaparece. Tendo um progresso extraordinário com a orientação de Madame Blanc, Susie faz amizade com outra dançarina, Sara, que compartilha com ela todas suas suspeitas obscuras.
Elenco: Dakota Johnson, Tilda Swinton, Doris Hick
Direção: Luca Guadagnino
Classificação Indicativa: 16 anos
Data e horário: 29/3 a 3/4 – 17h30 - $ 16 | 8

Vox Lux: O Preço da Fama
(EUA, leg, 2018, drama, 170’)
Celeste (Natalie Portman) é uma menina que sobrevive após uma grande tragédia, o que a torna conhecida nacionalmente. Após um tempo, ela se lança como cantora e alcança o estrelato.
Elenco: Natalie Portman, Jude Law, Stacy Martin, Raffey Cassidy
Direção: Brady Corbet
Classificação Indicativa: 16 anos
Data e Horário: 29/3 a 3/4 – 20h15 - $ 16 | 8

Sala Luz

Um Banho de Vida
(França, leg, 2018, Comédia, 122’)
Bertrand está no auge dos seus 40 anos e sofre de depressão. Depois de usar uma série de medicamentos que não surtiram nenhum efeito, ele começa a frequentar a piscina do bairro em que vive. Lá ele conhece outros homens com histórias semelhantes à sua.
Elenco: Mathieu Amalric, Guillaume Canet, Benoît Poelvoorde
Direção: Giles Lellouche
Classificação Indicativa: 14 anos
Data e horário: 29/3 a 3/4 – 15h - $ 16 | 8

Uma Viagem Inesperada
(Brasil, leg, 2018, Drama, 86’)
Pablo é um engenheiro argentino que mora no Brasil. Ele trabalha como responsável pela criação de uma nova plataforma de petróleo numa empresa localizada no Rio de Janeiro. Porém, quando seu filho passa por um problema, Pablo retorna em busca de soluções.
Elenco: Pablo Rago,Tomás Wicz, Débora Nascimento
Direção: Juan José Jusid
Classificação Indicativa: 14 anos
Data e horário: 29/3 a 3/4 – 17h45 - $ 16 | 8

Happy Hour: Verdades e Consequências
(Argentina, leg, 2018, Comédia, 115’)
Após um acidente, Horácio muda completamente suas perspectivas de vida e decide confessar para sua esposa, Vera, que deseja ter relações com outras pessoas, embora ainda queira continuar o casamento.
Elenco: Letícia Sabatella, Pablo Echarri, Luciano Cáceres
Direção: Eduardo Albergaria
Classificação Indicativa: 14 anos
Data e horário: 29/3 a 3/4 – 20h - 16 | 8

Sessão da Meia-noite

Morto Não Fala
(Brasil, nacional, 2018, terror, 110’)
Plantonista de um necrotério, Stênio possui um dom paranormal de se comunicar com os mortos. Porém, quando essas conversas revelam segredos sobre sua própria vida, o homem ativa uma maldição perigosa para si e todos a sua volta.
Elenco: Daniel de Oliveira, Fabíula Nascimento, Bianca Comparato, Marco Ricca
Direção: Dennison Ramalho
Classificação Indicativa: 16 anos
Data e horário: 29/3 (sexta-feira) – meia-noite
Local: Salas Luz e Ritz - $ 16 | 8

Cinema a céu aberto

Estômago
(Brasil, nacional, 2007, Drama, 110’)
Raimundo Nonato é um migrante nordestino que chega à cidade grande em busca de oportunidade. Aprende a profissão de cozinheiro, na qual se desenvolve e recebe uma melhor oportunidade de trabalho. Sua vida se complica ao se envolver com a prostituta Iria.
Elenco: João Miguel Serrano, Fabíula Nascimento, Babu Santana, Carlo Briani
Direção: Marcos Jorge
Classificação Indicativa: 16 anos
Data e Horário: 30/3 (sábado) – 19h30
Local: Terraço - $ 50

Mostra Glauber Rocha - 80 Anos

30/03   - 15h Palestra Glauber Rocha - 80 anos, com Fernando Brito                                     
             - 17h Exibição do filme Barravento                                       
31/03    - 17h Deus e o Diabo na Terra do Sol                                   
02/04    - 19h Terra em Transe                                
03/04    - 19h O Dragão da Maldade contra o Santo Guerreiro                                 
04/04    - 19h O Leão de Sete Cabeças                                 
05/04    - 19h A Idade da Terra
Local: Estúdio Valêncio Xavier                                 
Entrada gratuita

Sessão Matinê

Tito e os Pássaros
(Brasil, nacional, 2018, Animação, 73’)
O filme conta a história de um menino que é responsável, junto com seu pai, por achar a cura para uma doença que é contraída após a pessoa tomar um susto.
Elenco: Pedro Henrique, Marina Serretiello, Matheus Solano, Enrico Cardoso
Direção: Gustavo Steinberg/Gabriel Bitar/André Catoto
Classificação Indicativa: livre
Data e horário: 31/3 (domingo) – 10h30
Local: Salas Luz e Ritz - $ 16 | 8

CINE PASSEIO | Endereço: Rua Riachuelo, 410 – Centro (esquina com a Rua Presidente Carlos Cavalcanti)

Suspíria - A Dança do Medo | Trailer legendado e sinopse

Susie Bannion (Dakota Johnson), uma jovem bailarina americana, vai para a prestigiada Markos Tanz Company, em Berlim. Ela chega assim que Patricia (Chloë Grace Moretz) desaparece misteriosamente. Tendo um progresso extraordinário, com a orientação de Madame Blanc (Tilda Swinton), Susie acaba fazendo amizade com outra dançarina, Sara (Mia Goth), que compartilha com ela todas suas suspeitas obscuras e ameaçadoras.

Crítica do filme Cinquenta Tons de Liberdade | Ainda dá tempo de não ver

Atenção, essa crítica contém spoilers!

Um ano depois da estreia de "50 Tons Mais Escuros", chegou aos cinemas o terceiro e último filme da franquia. Agora acabou então, né, pessoal?

Depois de terminar o segundo filme com um pedido de casamento, "Cinquenta Tons de Liberdade" chega para contar aos espectadores o desfecho do romance entre Anastasia (Dakota Johnson) e Christian (James Dornan).

Já nos cartazes de divulgação, a protagonista aparecia de vestido de noiva, então já dava pra saber desde há muito tempo que o último longa-metragem da saga criada por E. L. James se dedicaria a retratar a vida de casados de Christian e Ana.

Ensaiando um mistério

Desde o início do filme, "Cinquenta Tons de Liberdade" vai lançando tímidas tentativas de engatar em suspense e mistério. A história que ganhou fama por flertar com a ousadia em termos de sensualidade tentou entrar também na seara do mistério, mas tropeça em clichês do começo ao fim.

50tonsdeliberdade2 a91a5

O triângulo forçado entre Ana, Christian e Jack Hyde definitivamente não funciona e as enfiadas de ação no meio do roteiro de um filme que é claramente um romancinho bem simples - com um protagonista bilionário e uma moça tímida e sem graça que, pelo menos de vez em quanto, ensaiam uma transa.

A pergunta que não quer calar

Afinal de contas, o que tanta gente viu em Cinquenta Tons de Cinza? Ao menos nos filmes, quase nada é mostrado e Cinquenta Tons de Liberdade continua sendo tão puritano quanto os dois primeiros títulos da franquia.

Os tais ~~gostos estranhos~~ de Christian não surpreendem ninguém, no fim das contas ele só tem um quarto cheio de brinquedinhos caros e sua atração física é construída só em cima dos carrões e da dinheirama.

Ao menos no terceiro filme, a história adaptada por Niall Leonard e dirigida por James Foley consegue diminuir um pouco o tom de relacionamento abusivo empoderando Ana, mas continuo batendo na tecla de que a franquia promove uma equivocada romantização desse tipo de namoro/casamento.

50tonsdeliberdade3 fcbe3

Não caiam nessa, mulheres, nenhum homem abusivo vai se dobrar quando se apaixonar por você. Eventualmente, ele vai voltar a ser agressivo, o Christian não existe. E o tanto que ele te ~~ama~~ não justifica essa possessividade e essa necessidade de controle que ele tem sobre você.

Se for ver esse filme, vá com isso em mente e com a cabeça aberta a dar umas risadas dos diálogos clichês, das situações embasbacantes de tão absurdas e disposto a passar uma horinha e pouco curtindo a trilha sonora, pois esse é o único ponto positivo de 50 Tons, desde o primeiro filme.

Cinquenta Tons de Liberdade | Novo trailer legendado e sinopse

Terceira parte da trilogia baseada nos romances de E. L. James iniciada em Cinquenta Tons de Cinza (2015).  Anastasia (Dakota Johnson) e Christian (Jamie Dornan) estão casados. Entretanto, a vida de Ana está em risco quando Jack Hyde, seu antigo patrão, jura vingança por ter sido demitido da SIP. Enquanto isso, Elena também retorna para assombrar Christian e criar mais tensão entre o casal.

Crítica do filme Cinquenta Tons Mais Escuros | Uma comédia acidental

No ano passado, os branquelas Wayans lançaram uma semgracíssima paródia da franquia 50 Tons, chamada "Cinquenta Tons de Preto" - um péssimo trocadilho com a cor da pele dos protagonistas, inclusive. Se eles soubessem que o segundo filme oficial desse universo penderia tanto para o humorístico, talvez nem tivessem se arriscado.

Pois bem, agora em fevereiro estreou nos cinemas brasileiros o segundo longa-metragem, "Cinquenta Tons Mais Escuros", que chega com a intenção de se enquadrar no gênero de Romance Erótico meio drama meio suspense, mas que, ao invés de excitação, só consegue arrancar algumas risadas da plateia. Vem comigo que eu explico os motivos!

Anastasia Steele (Dakota Johnson) está decidida a não mais abrir brechas na sua vida para Christian Grey (Jamie Dornan), o milionário que conquistou seu coração, mas que tem ~gostos estranhos. Quanto tempo ela conseguiria resistir aos seus encantos? Pois bem, não muito mais do que o intervalo entre um filme e outro.

50tonsmaisescuros5 c2a6a

E é assim, com uma nova abordagem, que ele promete reconquistar o coração e a confiança da moçoila, logo no começo do longa-metragem. Mas, dessa vez, ela não vai mais aceitar assinar um contrato e ceder a tantas regras que ele impõe ao relacionamento.

"Cinquenta Tons Mais Escuros" nos mostra uma Anastasia muito menos tímida e muito menos inocente do que a que conhecemos no começo da história anterior, já inserida no mercado de trabalho e atuando como assistende um importante editor, Jack Hyde (Eric Johnson).

Alguns tons mais ambientados

Dessa vez, Dakota Johnson e Jamie Dornan parecem estar muito mais confortáveis em seus papeis. Não sei se se acostumaram com o estigma dos personagens ou se era essa a intenção, mas toda aquela sensação de estranheza que ambos pareciam ter está bem menos evidente neste filme.

50tonsmaisescuros2 1acde

A sintonia entre os dois melhora bastante de um filme para o outro, o que é um dos poucos pontos positivos desse longa. Aliás, o elenco é um dos aspectos que contribuem para que a franquia vá bem junto ao público. Menção especial para a participação de Kim Basinger e Marcia Gay Harden, duas atrizes veteranas que mostram uma atuação de qualidade e experiência.

Outros nomes "embelezam" a produção, como é o caso de Rita Ora, Bella Heathcote, Luke Grimes e Victor Rasuk, jovens e promissores talentos que podem muito bem estar sendo revelados pela franquia.

Ryyycos

Que Christian Grey nada no dinheiro não é segredo pra ninguém, e fazer uma produção que retrate um estilo de vida milionário não é lá muito fácil se você tiver um baixo orçamento. É claro que isso não é um problema pra essa galera que faturou mais de 166 milhões de dólares no ano passado com o primeiro filme.

50tonsmaisescuros3 6cb00

Com um budget inicial de 55 milhões de dólares, foi moleza para a produção de "Cinquenta Tons Mais Escuros" manter um grande cuidado com a riqueza de detalhes na construção dos ambientes e nos figurinos, em um verdadeiro desfile de carros de luxo e mansões de altíssimo padrão que não deixam nada a desejar.

A trilha sonora também não fica devendo em nada com relação ao primeiro, que também tinha a musicalidade como um grande ponto positivo - quem não lembra daquela incrível versão de Crazy in Love, da Beyoncé, preparada especialmente para o filme?

Mas, se em diversos aspectos o longa está bem bacana, o roteiro, coitado, segue sofrendo com os mesmos problemas de antes: cheio de falhas e conveniências.

A fantasia de uma boa história

Vá até uma livraria, pegue o livro "Cinquenta Tons de Cinza", abra aleatoriamente e leia uma passagem qualquer. É bem possível e provável que o trecho que você ler já vai ter mais safadezas, relatadas de um jeito muito mais vulgar, do que tudo o que já foi dito na versão cinematográfica.

O que me parece desses dois longas é que Hollywood não deu o aval pra que o filme fosse feito do jeito que se queria, então eles até colocam uma ou outra putaria ali nomeio, mas é muito mais um relacionamento abusivo romanceado do que "dirty".

50tonsmaisescuros1 3b8fc

Sabe quando sua mãe bate do dedinho no canto da parede, dói pra caralho, mas ela solta um "droga" ao invés de um "puta que pariu"? Então, "Cinquenta Tons Mais Escuros" - ou, eu diria, toda a franquia 50 tons - é a mãe falando "droga" achando que está falando um mega palavrão.

Isso sem falar nas tantas conveniências e coincidências que fazem com que você se pergunte diversas vezes "é possível, senhor?". A gente já sabe que a família Grey vive na ilha da fantasia dos marajás e que algumas coisas que acontecem no maravilhoso mundo dos endinheirados estão além da nossa compreensão, mas sabem quando força a barra?

50tonsmaisescuros4 a5de1

Além disso, mas não menos importante, tem a questão do abuso. Os roteiristas até que tentam empoderar um pouco a protagonista inserindo uma ou outra cena em que ela consegue se impor frente ao homem que a diminui. Mas essas cenas parecem agir muito mais como um "cala a boca" para quem criticou isso num primeiro momento, do que como uma forma de repensar a história de fato.

Além disso, corre-se o risco de passar uma mensagem muito equivocada para o público - especialmente o feminino. Uma que diz às mulheres que está tudo bem manter-se e insistir em um relacionamento abusivo que a anula, porque esse cara um dia vai mudar por você. E essa mensagem, senhoras e senhores, pode ser muito mais perigosa do que os jogos sensuais que se ensaia em "Cinquenta Tons Mais Escuros".

Comédias, ação e muito mais: veja a programação da HBO para janeiro de 2017!

Os canais HBO/MAX vão começar o ano com estreias super explosivas e o grande destaque da programação é um longa-metragem que deu o que falar em 2016. "Batman VS Superman: A Origem da Justiça" chega no finalzinho do mês à TV por assinatura, com estreia no dia 28, às 22h, na HBO.

Outras atrações serão o suspense "Horas de Desespero", a comédia "Como Ser Solteira", e a comédia alemã "Bill". Além dessas grandes novidades, os canais trazem também sucessos do cinema para toda a família, como "Happy Feet: O Pinguim", "Pixels", e muito mais.

Veja algumas das novidades!

Horas de Desespero

 07/01 | Sábado | 22h | HBO

hbo horasdedesespero 55333

Longa-metragem que conta a história do empresário americano Jack Dwyner (Owen Wilson), que vai morar no sudeste asiático com sua família quando um golpe de estado os pega de surpresa. Eles tentarão de todas as formas escapar dos rebeldes que atacam a cidade.

Como Ser Solteira

14/01 | Sábado | 22h | HBO

hbo comosersolteira 2ec34

Estrelada por Dakota Johnson, essa comédia mostra que a cidade de Nova Iorque está cheia de corações solitários que procuram pelo par perfeito. Mas, o que Alice (Dakota Johnson), Robin (Rebel Wilson), Lucy, Meg, Tom (Anders Holm) e David têm em comum é a necessidade de aprender a ser solteiro em um mundo que está passando por constantes evoluções na definição do que é o amor.

Polícia em Poder da Máfia 

21/01 | Sábado | 22h | HBO

hbo policiaempoderdamafia 5f6fe

Um grupo de criminosos prepara um grande roubo a banco e para isso conta com a ajuda de um policial corrupto. O plano é matar um policial, forjando um código 999, que significa oficial em perigo, para desviar a atenção do assalto.

Batman VS Superman: A Origem da Justiça

28/01 | Sábado | 22h | HBO

hbo batman 8eee5

Dois anos depois da destruição de Metropolis, a humanidade ainda tenta determinar o papel do Superman no mundo. Batman enfrenta o Homem de Aço para puni-lo por suas ações, enquanto uma nova ameaça surge das sombras. Dirigido por Zack Snyder e estrelado por Ben Affleck e Henry Cavill, o filme apresenta uma empolgante batalha entre os dois super-heróis.

Happy Feet: O Pinguim

08/01 | Sábado | 20h | HBO FAMILY

O longa apresenta Mano, um pinguim que é péssimo cantor e tem de achar sua canção para encontrar o verdadeiro amor. Ele é muito bom no sapateado, mas isso não impede que o mandem para o exílio. A animação dirigida por George Miller é ganhadora do Oscar® de Melhor Longa de Animação e o Globo de Ouro® de Melhor Canção Original.

D.U.F.F. - Você Conhece, Tem ou É

15/01 | Sábado | 20h | HBO FAMILY

hbo duff 695de

Uma estudante do colegial instiga uma revolução após descobrir que foi rotulada de “amiga feia e gorda” por seus amigos bonitos e populares.

Pixels

22/01 | Sábado | 20h | HBO FAMILY

hbo pixels 7d7cb

Que comece o jogo! Quem gosta de videogame não pode perder a comédia Pixels. Nos anos 80, alienígenas acreditavam que a humanidade os ameaçava com jogos de videogame. Agora, eles atacam a Terra com personagens poderosos dos jogos eletrônicos, e apenas Sam (Adam Sandler), um homem comum, tem a estratégia para vencê-los com o que aprendeu quando era criança.

Spotlight: Segredos Revelados

08/01 | Sábado | 21h | MAX

hbo potlight c50f9

Vencedor de dois prêmios Oscar®, o longa-metragem conta a verdadeira história sobre como o Boston Globe descobriu um escândalo global de molestação infantil e de acobertamento pela arquidiocese católica, situação que balançou toda a igreja católica desde suas raízes. Uma adaptação que vai mostrar o caso de perto com atuações exemplares de Mark Ruffalo, Michael Keaton, Rachel McAdams e Liev Schreiber.

Medalha de Bronze

15/01 | Sábado | 21h | MAX

hbo medalhadebronze 1d4d7

A verdadeira história sobre como o Boston Globe descobriu um escândalo global de molestação infantil e de acobertamento pela arquidiocese católica, situação que balançou toda a igreja católica desde suas raízes. Uma adaptação que vai mostrar o caso de perto com atuações exemplares de Mark Ruffalo, Michael Keaton, Rachel McAdams e Liev Schreiber.

O Filho de Saul

22/01 | Sábado | 21h | MAX

hbo ofilhodesaul aeb66

Saul Ausländer é um membro húngaro do Sonderkommando, o grupo de prisioneiros judeus isolados no campo e forçados a assistir aos nazistas com sua máquina de extermínio de larga escala. Enquanto trabalhava em um dos crematórios, Saul descobre o corpo de um menino que ele assume como sendo o de seu filho. 

Enquanto o Sonderkommando planeja uma rebelião, Saul decide realizar uma tarefa impossível: salvar o corpo do menino das chamas, encontrar um rabino para recitar o Kadish dos Enlutados e dar ao menino um enterro digno.

A Jornada de Hank Williams

29/01 | Sábado | 21h | MAX

hbo ajornadadehankwilliams b7fd4

Cinebiografia de Hank Williams, famoso cantor e compositor norte-americano da música country que fez sucesso no século 20. Casado com Audrey Mae Williams (Elizabeth Olsen), o filme narra a rápida ascensão de Hank Williams (Tom Hiddleston) à fama, tornando-se um cantor popular, e como isso afetou sua vida pessoal.

Bill

08/01 | Domingo | 22h | MAX UP

hbo billfilme 57041

Comédia da Grã-Bretanha protagonizada por Helen McCrory e Mathew Baynton, conta a história de Bill Shakespeare, aspirante a escritor que deixa sua família para viajar para Londres e realizar seu sonho. Enquanto tenta se dar bem, ele é pego no confronto entre a severa rainha da Inglaterra e o rei louco da Espanha.

Namorando Uma Mulher

15/01 | Domingo | 22h | MAX UP

hbo namorandoumamulher 38f64

Um filme para mostrar que o amor acontece onde a gente menos espera. Tom Herzner, um ícone para a comunidade homossexual, quer lançar sua linha de produtos de beleza, mas um romance inesperado surge durante sua pesquisa de mercado, enquanto trabalha disfarçado em um salão dirigido por uma mulher. 

Meia-noite em Paris 

22/01 | Domingo | 22h | MAX UP

hbo meianoiteemparis f2258

O sucesso de Woody Allen conta uma história de amor e viagens no tempo protagonizada por Owen Wilson, Rachel McAdams e Marion Cotillard. O longa promete divertir a família com uma história aparentemente simples, a qual toma um rumo diferente ao focar na história de um casal que começa a observar que talvez o estilo de vida que leva pode não ser o melhor.

Casa Compartilhada 

29/01 | Domingo | 22h | MAX UP

hbo casacompartilhada 71a3e

Um inverno excepcionalmente frio obriga ao governo francês exigir a classe mais rica para abrigar os cidadãos mais pobres. O decreto chamado de "Le Grand Partage" cria alguns problemas entre os moradores de um bloco de luxo apartamento de Paris.

Sem Retorno

08/01 | Domingo | 22h | MAX PRIME

hbo semretorno c6dc2

Sofrendo de um câncer terminal, um senhor decide passar por um tratamento médico radical. Após ter sua consciência transferida para o corpo de um jovem, ele percebe o envolvimento de uma organização secreta e muito perigosa. Mas nem tudo é o que parece quando ele começa a desvendar o mistério da origem do corpo e da organização que vai matar para proteger a sua causa.

Entourage: Fama e Amizade

15/01 | Domingo | 22h | MAX PRIME

hbo entourage 4a8ea

O astro de cinema Vicent Chase (Grenier), junto com seus parceiros, Eric (Connolly), Turtle (Ferrara) e Johnny (Dillon) estão de volta...e de volta aos negócios com seu "super agente" e mentor Ari Golden (Piven). Algumas das suas ambições mudaram, mas o vínculo entre eles continua enquanto navegam pelo mundo caprichoso e muitas vezes cruel de Hollywood.

O Durão

22/01 | Domingo | 22h | MAX PRIME

hbo odurao 8b539

James é um rico empresário que foi condenado por um crime que ele não cometeu. Com 30 dias restantes para colocar seus negócios em ordem, ele pede ajuda a Darnell, um homem que lava o seu carro, e que pode ajudá-lo a se preparar para a prisão.

Sexo, Drogas e Jingle Bells

29/01 | Domingo | 22h | MAX PRIME

hbo sexodrogasejinglebells a864d

Na véspera de Natal, Ethan (Joseph Gordon-Levitt), Isaac (Seth Rogen) e Chris (Anthony Mackie), três amigos de longa data, se reúnem em Nova York e partem em busca da melhor festa de suas vidas.

m cafe 5407e

Curtiu a programação? Então prepare seu cronograma, veja as críticas dos filmes aqui no Café com Filme e boa diversão!