log in
 
Curta "Quem Matou Eloá?" discute espetacularização da violência contra a mulher
Fonte da imagem: Divulgação/Portal Curtas
ap 728x90 data 5463e

Em 2009, Lindemberg Alves, de 22 anos, invadiu o apartamento da ex-namorada Eloá Pimentel, de 15 anos, armado, mantendo-a refém por cinco dias. Grande parte desse processo foi acompanhado por emissoras de televisão, rádio e jornais de todo o país, que transformaram os piores dias da vida da jovem em um verdadeiro espetáculo midiático.

É justamente esta espetacularização do sequestro e feminicídio da jovem Eloá o tema do curta-metragem “Quem matou Eloá?”, um documentário que faz uma análise crítica da abordagem midiática nos casos de violência contra a mulher, revelando um dos motivos pelos quais o Brasil é o quinto num ranking de países que mais matam mulheres.

Com direção e roteiro de Lívia Perez, “Quem matou Eloá” traz entrevistas de Ana Paula Lewin, Analba Teixeira, Augusto Rossini, Elisa Gargiulo e Esther Hamburguer, que discutem o papel da imprensa em casos como o de Eloá Pimentel.

Lançado em 2015, o curta já recebeu os prêmios de Melhor Curta Paulista no Semana Paulistana do Curta Metragem em 2015, Melhor Curta-Metragem no Atlantidoc - Festival Internacional de Cinema Documentário do Uruguai em 2015 e Melhor Documentário em Curta-metragem no Genni Awards - Alliance for Women in Media Southern California em 2015

Veja o trailer do curta-metragem “Quem matou Eloá?”, que está disponível na íntegra no Portal Curtas! e também pode ser visto no "Canal Curta!".

Curtiu esse texto? Então deixe seu comentário e aproveita para compartilhar nas redes sociais!

Lu Belin

Eu queria ser a Julianne Moore.

Comentários

Este é um espaço para discussão. Você pode concordar, discordar ou agregar informações ao conteúdo, mas lembramos que aqui devem prevalecer o respeito e bom senso. O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Nos reservamos o direito de apagar comentários que não estejam em conformidade com nossos Termos de Uso.