log in
 

Crítica do filme O Protetor

Porradas, explosões e alguns arranhões

Thiago Moura

por
Thiago Moura

Quinta, 18 Setembro 2014
Fonte da imagem: Divulgação/Sony Pictures
amazonprimevideo
Mudar tema Padrão Noturno
Barra lateral X Desativar
Mudar fonte A+ A A-

Primeiramente, esse é um filme totalmente mentiroso. Não espere muitas explicações ou que tudo faça sentido. É preciso entender a proposta e seguir a história sem se preocupar muito com a trama. Dessa forma, o filme será sensacional! O diretor de “Dia de Treinamento”, Antoine Fuqua, junta-se novamente à Denzel Washington em “O Protetor”, e ele continua bem fodão!

O filme é baseado em uma série homônima que foi transmitida pela CBS de 1985 à 1989, e segue o mesmo enredo. Denzel Washington interpreta Robert McCall, um ex-oficial das forças especiais que simulou sua morte para viver uma vida tranquila em Boston. Sua rotina pacifica é quebrada quando ele conhece Teri (Chloë Grace Moretz), uma garota de programa russa que obviamente é de menor e odeia seu trabalho. Ela trabalha para gangsters russos mal encarados e que curtem bater nas meninas para provar quem é o chefe. Acontece que McCall se solidariza com a garota e começa a praticar diversos atos de vingança contra todos os criminosos que ferem inocentes de alguma forma.

Denzel-Washington-Chloe-Grace-Moretz-The-Equalizer

Uma característica interessante de McCall é sua forma de cronometrar tudo. Semelhante aos filmes do Sherlock Holmes, nos momentos de adrenalina ele é capaz de “congelar” o tempo e analisar como acabar com seus oponentes. Ele é capaz de matar até mesmo os russos sinistros com ferramentas simples, como um saca rolhas ou martelo!

Seu senso de justiça e moral são suas motivações, e raramente ele falha. Aliás, McCall deve ter levado uns três tiros de raspão e dois socos durante o filme todo! Ele vai sozinho contra a máfia russa, apenas porque é a coisa certa a se fazer. E como previsto, o filme é repleto de mortes sangrentas e crueldade, e todas as cenas são bem coreografadas e impressionantes.

Visualmente o filme é impecável, todas as cenas são incríveis e algumas câmeras mostram ângulos impossíveis! Várias das cenas são apenas para mostrar o ambiente ou algum detalhe, como um olhar ou as tatuagens dos vilões. A trilha sonora mantêm a cadência das cenas, passando de algo totalmente calmo e ambiente para explosões e frenesi, tudo isso de forma bem agradável.

the-equalizer-photos-3

Como dito, se você quiser ver um filme porradeiro, cheio de ação e gente morrendo de formas inusitadas, "O Protetor" é um filme que entretêm de uma forma muito satisfatória. Na minha opinião podia ter mais Chloë Grace Moretz, mas Denzel Washington é um excelente ator e desenvolve o personagem de uma forma muito interessante. Vale mencionar que assistir em IMAX sem a porcaria dos óculos 3D é uma experiência a parte, e eu recomendo muito!  

Fonte das imagens: Divulgação/Sony Pictures

O Protetor (2014)

Todos merecem justiça

Diretor: Antoine Fuqua
Duração: 132 min
Estreia: 25 / Set / 2014

Curtiu esse texto? Então deixe seu comentário e aproveita para compartilhar nas redes sociais!

Thiago Moura

Curto as parada massa.

Comentários

Este é um espaço para discussão. Você pode concordar, discordar ou agregar informações ao conteúdo, mas lembramos que aqui devem prevalecer o respeito e bom senso. O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Nos reservamos o direito de apagar comentários que não estejam em conformidade com nossos Termos de Uso.