log in
 

Crítica do filme Sem Evidências

Uma história mal contada de um caso real

Thiago Moura

por
Thiago Moura

Quinta, 24 Julho 2014
Fonte da imagem: Divulgação/Paris Filmes
amazonprimevideo
Mudar tema Padrão Noturno
Barra lateral X Desativar
Mudar fonte A+ A A-

Sem Evidências é baseado em um caso real de assassinato, sendo assim é bem complicado mostrar algo desse gênero em um filme "linear" de duas horas. É um pouco triste a forma como um caso chocante assim foi representado, um mero suspense com toque de sobrenatural. 

Em 1993 os adolescentes Damien Echols, Jason Baldwin e Jessie Misskelley Jr. foram acusados de assassinar brutalmente três crianças de oito anos. Em um julgamento repleto de polêmicas e incertezas, eles foram condenados. Após uma longa batalha judicial, foram soltos em 2011

Acontece que nenhuma das evidências apresentadas indicam que foram os "adoradores do diabo" os responsáveis pelo crime. O spoiler está no título! O filme mostra as investigações do caso, e em cada momento uma coisa diferente é dita. Não se sabe qual é a verdade, em cada momento os relatos são contados de uma forma diferente, então você percebe que tudo que está sendo dito ali é mentira.

reesedevil

Cada personagem e ponto de vista é retratado de forma bem superficial, para sustentar a aura de mistério. E existem muitas pessoas envolvidas nisso, tanto que é difícil se prender em um personagem só. A possível exceção é Pam Hobbs (Reese Witherspoon), mãe de uma das crianças assassinadas. Ela serve como fio condutor para o expectador, no começo é tudo muito revoltante e você quer achar um culpado, e com o decorrer da história você já não sabe em que acreditar e faz papel de bobo, assim como ela.

O elenco conta com atores bem respeitáveis, como a já citada Resse Whiterspoon, Colin Firth e Dane DeHaan,  mas eles aparecem tão pouco e são tão superficiais que mal dá pra prestar atenção em suas atuações. 

Sempre que algo estranho acontece, culpam os adoradores do diabo.

E o garoto Damien Echols (James Hamrick), que foi o escolhido para ser o culpado de todo o caso relacionado ao assassinato, deixa claro o tempo todo que não tem nada a ver com Satanás. Aliás, já notaram o tanto de vezes que algum Demian/Damien é relacionado à Satan? Enfim, ele se diz Wicca, acusam ele de gostar de Aleister Crowley e tudo mais, e no final ele é só um menino que se veste de preto com problemas psicólogicos.

Todo mundo sabe que está sendo enganado, inclusive o espectador, e mesmo assim acaba mal pros esquisitos. Vale lembrar que o filme foi adaptado do livro "The Devil’s Knot: The True Story of the West Memphis Three".

No geral, eu achei um filme bem entediante, mas vale a pena assistir pra tentar entender o caso real, e a pensar duas vezes antes de acreditar em tudo que falam por aí.

Fonte das imagens: Divulgação/Paris Filmes

Sem Evidências

À sombra da verdade

Diretor: Atom Egoyan
Duração: 114 min
Estreia: 24 / Jul / 2014

Curtiu esse texto? Então deixe seu comentário e aproveita para compartilhar nas redes sociais!

Thiago Moura

Curto as parada massa.

Comentários

Este é um espaço para discussão. Você pode concordar, discordar ou agregar informações ao conteúdo, mas lembramos que aqui devem prevalecer o respeito e bom senso. O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Nos reservamos o direito de apagar comentários que não estejam em conformidade com nossos Termos de Uso.