log in
 
“A Vida Invisível” é o filme selecionado para representar o Brasil no Oscar 2020
Fonte da imagem: Divulgação/Divulgação/RT Features
ap 728x90 data 5463e

Nesta semana, a Academia Brasileira de Cinema divulgou o grande escolhido para representar o Brasil nas premiações do Oscar do próximo ano. Entre doze filmes habilitados, o corpo acadêmico acabou decidindo por nomear “A Vida Invisível” como o representante brasileiro para o evento.

Vale notar que a decisão da Academia Brasileira de Cinema não significa de fato uma vaga no Oscar. A partir de agora, o sétimo longa-metragem do diretor Karim Aïnouz concorrerá com outros títulos internacionais, de modo que apenas alguns serão de fato selecionados para aparecer na premiação. O resultado será divulgado pela Academia Americana no dia 13 de janeiro de 2020.

Vale notar que “A Vida Invisível” concorria previamente com títulos aclamados em diversos festivais, incluindo “Bacurau”, de Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles, “Los Silencios”, de Beatriz Seigner, “Espero Tua (Re)Volta”, de Eliza Capa, e “A Voz do Silêncio”, de André Ristum — só para nomear alguns dos títulos.

avidainvisiveloscar b5858

Os especialistas que decidiram nosso representante foram: Anna Muylaert, David Schürmann, Zelito Viana, Sara Silveira, Vania Catani, Walter Carvalho, Mikael de Albuquerque, Amir Labaki e Ilda Santiago.

“A Vida Invisível” ganha visibilidade

A produção “A Vida Invisível” traz no elenco Carol Duarte, Julia Stockler, Gregorio Duvivier, Bárbara Santos, Flavia Gusmão e Fernanda Montenegro – como atriz convidada.

O filme será lançado antecipadamente nas telas do Nordeste no dia 19 de setembro, enquanto estreia nas outras regiões do país no dia 31 de outubro. O diretor dedica a indicação a todas as mulheres e às trabalhadoras e trabalhadores do audiovisual brasileiro. 

“É uma alegria incomensurável. É uma realização não só para o filme em si, mas para todas as mulheres do mundo, para os trabalhadores e trabalhadoras do audiovisual e para o país como um todo. É uma honra estar junto com outros filmes tão importantes que celebram esse momento singular do cinema brasileiro. Espero que possamos fazer jus a essa indicação e representar o Brasil na lista final da premiação”, comemora Aïnouz. 

avidainvisiveloscar2020 bdfe1

Vale mencionar que o longa-metragem tem conquistado prêmios nos principais festivais do mundo, incluindo o Grand Prix da mostra Un Certain Regard, no Festival de Cannes (algo inédito na história do cinema brasileiro), além de prêmios do público de Melhor Filme e do júri de Melhor Fotografia, no Festival de Cinema de Lima; e o CineCoPro Award, no Festival de Munique.

“Isso demonstra que a cultura cinematográfica brasileira, num momento como esse, nos credencia como artistas e cidadãos. Karim merece”, exalta Fernanda Montenegro.

Livre adaptação do romance de Martha Batalha, “A Vida Invisível” é uma produção da RT Features, de Rodrigo Teixeira, em coprodução com a alemã Pola Pandora, braço de produção da The Match Factory, além da Sony Pictures (que distribui o filme junto com a Vitrine Filmes), Canal Brasil e Naymar (infraestrutura audiovisual), e conta com o financiamento do fundo alemão Medienboard Berlin Brandenburg e do Fundo Setorial do Audiovisual/Ancine.

Assuntos Oscar Premiação

Curtiu esse texto? Então deixe seu comentário e aproveita para compartilhar nas redes sociais!

Comentários

Este é um espaço para discussão. Você pode concordar, discordar ou agregar informações ao conteúdo, mas lembramos que aqui devem prevalecer o respeito e bom senso. O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade do autor da mensagem. Nos reservamos o direito de apagar comentários que não estejam em conformidade com nossos Termos de Uso.